comments powered by Disqus
Esportes / Fórmula 1

Rosberg se aposenta, cinco dias após título mundial

Alemão foi campeão da F-1, pela primeira vez, no último domingo, e decidiu parar de correr

sábado 3 de dezembro de 2016 - 10:30 AM

Estadão Conteúdo / portal@d24am.com

De acordo com ele, entretanto, a decisão definitiva foi tomada na segunda-feira à noite. Foto: Divulgação/Fórmula 1

Londres - Cinco dias depois de conquistar o título da temporada 2016 da Fórmula 1, Nico Rosberg surpreendeu o mundo ao anunciar, nesta sexta-feira (02), aposentadoria como piloto. Em comunicado distribuído à imprensa e publicada em sua página no Facebook, o alemão, de 31 anos, argumentou que não teria a mesma gana de pilotar depois de atingir o sonho da carreira, que era ser campeão da F-1.

“Quando ganhei a corrida em Suzuka (Japão), a partir do momento em que o campeonato estava nas minhas mãos, a grande pressão começou e eu comecei a pensar em terminar minha carreira, se eu me tornasse campeão. Na manhã de domingo, em Abu Dhabi, eu sabia que poderia ser a minha última corrida. Eu queria desfrutar de cada parte da experiência, sabendo que poderia ser a última vez. E então as luzes se apagaram e eu tive as mais intensas 55 voltas da minha vida”, contou Rosberg, campeão depois de ser segundo colocado, nos Emirados Árabes Unidos. Hamilton ganhou a prova, mas dependia que o rival ficasse do quarto lugar para baixo. 

De acordo com ele, entretanto, a decisão definitiva foi tomada na segunda-feira à noite. “Depois de refletir por um dia, as primeiras pessoas para as quais eu disse (sobre o desejo de se aposentar) foram Vivian (esposa) e Georg (Nolte, da equipe de gerenciamento de Nico), seguido por Toto (Wolf, diretor técnico da Mercedes)”.

Nico, de fato, deixa a Mercedes em uma situação complicada. Todos os melhores pilotos da categoria já têm equipe para a próxima temporada e a Mercedes contava com ele ao lado de Hamilton para dar continuidade ao domínio que vêm impondo aos rivais nos últimos anos. O alemão Pascal Werhlei, da Manor, que integra o programa de jovens pilotos da Mercedes, pode ser o substituto.

VEJA TAMBÉM NO D24am