comments powered by Disqus
Esportes / Futebol

Líderes são atrações de rodada na Colina

 Em jogos diferentes, Princesa e Rio Negro iniciam o segundo turno buscando a liderança isolada do Estadual diante de Holanda e São Raimundo, respectivamente

terça-feira 18 de abril de 2017 - 9:30 AM

Da Redação / portal@d24am.com

Com 14 pontos, Princesa do Solimões (foto) e Rio Negro dividem a liderança do Amazonense. Foto: Eraldo Lopes

Por Thiago Fernando

 

Manaus - Três jogos dão, hoje, o pontapé inicial do segundo turno do Campeonato Amazonense. Dividindo a liderança da competição com 14 pontos, Rio Negro e Princesa do Solimões participam da rodada dupla que acontece no Estádio Ismael Benigno, a Colina. Às 21h, o Galo da Praça da Saudade faz o clássico da rodada contra o desesperado São Raimundo, que ainda não venceu no Estadual. Mais cedo, às 19h, o Tubarão de Manacapuru (a 68 quilômetros a oeste de Manaus) entra em campo para enfrentar o Holanda, que sonha sair da zona de rebaixamento. Às 16h, em Itacoatiara (a 176 quilômetros a leste de Manaus), o terceiro colocado, Fast, busca seguir na cola dos líderes contra o Penarol. Os horários foram divulgados pela Federação Amazonense de Futebol (FAF).

No primeiro turno, o Rio Negro venceu o São Raimundo por 2 a 0, na Colina. Exatamente um mês depois, as equipes voltam a se enfrentar com algumas diferenças. Líder do Estadual com apenas uma derrota, o Galo não conta mais com o técnico Aderbal Lana no comando. Por brigas internas, a direção decidiu demitir o experiente comandante e trouxe Alemão para o restante da competição. Pelo lado do Alviceleste, a mudança foi extrema. Com a pior campanha desde que foi instituído o rebaixamento no Amazonense, a direção do São Raimundo foi obrigada a fazer mudanças. Nesse período, chegaram 14 jogadores e o técnico Eduardo Clara. Esse será o centésimo jogo entre os clubes. Com 45 vitórias, o Rio Negro leva a melhor. O São Raimundo venceu 31 e outros 23 terminaram empatados.

A palavra-chave do Princesa na competição é equilíbrio. Apesar de não apresentar um futebol vistoso, a equipe comandada pelo técnico Alberone segue no topo da tabela. A partida contra o Holanda pode ser a reestreia do atacante Branco, esperança para melhorar a média de gols do clube, que supera apenas a dos clubes que estão na zona de rebaixamento.

Outra equipe que busca espantar as dúvidas é o Fast. Vindo de derrota para o Rio Negro, o Tricolor enfrenta problemas internos. Uma derrota para o Penarol, no Estádio Floro de Mendonça, pode iniciar um processo de reformulação no clube.

VEJA TAMBÉM NO D24am