comments powered by Disqus
Esportes / Lutas

Arturzinho busca notoriedade em duelo no Shooto

Lutador amazonense tem desafio contra atleta da academia Nova União, pela categoria dos moscas

domingo 29 de janeiro de 2017 - 10:45 AM

Diogo Rocha / portal@d24am.com

Plano Para a Carreira  Luís Artur, de 26 anos, o Arturzinho, busca notoriedade, vitórias e mídia para buscar contrato no mundo das Artes Marciais Mistas. Foto: Eraldo Lopes

Manaus - Com um cartel de quatro vitórias e uma derrota no Mixed Martial Arts (MMA), o lutador amazonense Luís Artur, de 26 anos, o Arturzinho, ainda sonha com uma carreira internacional. Neste domingo (29), ele regressa ao octógono do Shooto Brasil, no Rio de Janeiro, pela edição 69, a primeira deste ano, ciente que uma vitória poderá garantir um convite para uma nova luta na franquia e, posteriormente, uma disputa de cinturão pela categoria Mosca (até 57 quilos).

“Não tem contrato fechado com o Shooto e nem existe regra de quantas vitórias precisamos para brigar por um cinturão. Só que se o atleta tem várias conquistas seguidas, não tem como os organizadores negarem uma luta pelo título”, comentou o único técnico do amazonense, Alessandro Smith.

A luta de Arturzinho contra outro atleta da equipe Nova União (RJ), Cláudio Coutinho, que pertence ao grupo do técnico Dedé Pederneiras, criador e presidente do Shooto Brasil, abrirá o card principal, que terá um total de 11 lutas. O evento será realizado no Clube Hebraica Rio, a partir das 18h (de Manaus), com transmissão ao vivo pelo Canal Combate (fechado).

“Estou treinando para o Shooto desde novembro, quando soube da possibilidade de uma luta. E pelo que estudei e vi do adversário, o Cláudio Coutinho gosta mais de trocação. O meu forte é a luta livre, no chão, só que também gosto de trocar ‘porrada’ em cima”, disse Luís Artur.

Desde o ano passado focado em disputar somente competições de MMA do circuito nacional, para ganhar visibilidade na mídia, Luís Artur, que treina pela Smith Fight Team, estreou no Shooto Brasil na edição 65, também no Rio, no dia 31 de julho do ano passado. Ele derrotou, por nocaute, Elves Oliveira, da Nova União (RJ).

Estreante e campeão

Em outubro, Arturzinho recebeu uma proposta para disputar, pela primeira vez, o Jungle Fight, considerada a maior franquia de MMA da America Latina. Mas o evento foi cancelado e o amazonense buscou competir em um torneio inédito na carreira: o Coliseu Figth Night 2, em dezembro do ano passado, em Anastácio (MS).
Mesmo sendo estreante, Arturzinho disputou logo o cinturão da categoria Mosca (até 57 quilos) no Coliseu e faturou, ao derrotar, no quinto round, com uma guilhotina (estrangulamento), o paulistano Hermison ‘Do Bronx’ Oliveira, irmão caçula do lutador do UFC, Charles ‘Do Bronx’.

“Depois do Shooto, eu iria disputar um evento internacional, o Warriors Fight, em fevereiro, no México, porém, foi adiado. Como existe a chance de entrar no card do Jungle Fight, em março, ficarei no aguardo”, declarou Luís Artur, que tem evitado participar de qualquer competição regional, para seguir o calendário fora do Estado.

Sem patrocínio

Vitórias em torneios novos, para ascender na carreira, não garantiram patrocínios a Arturzinho. As passagens aéreas para esta edição do Shooto Brasil  deste domingo foram garantidas pela Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel), mas Luís Artur e o treinador arcarão com a estadia - R$ 1,5 mil em hospedagem - apesar da premiação em dinheiro (bolsa) pela luta não compensar.

“O que compensa é conseguir se credenciar para outros eventos e a visibilidade no exterior”, afirmou o técnico Smith.

Em Manaus, o treinador de Arturzinho centraliza toda a preparação do atleta no MMA. Alessandro Smith não delega funções sendo o único responsável pelas aulas de boxe, muay thai e luta livre.

“Os meus atletas só treinam comigo. Como sou faixa preta de luta livre, professor de boxe e profissional de Educação Física, eu adequo todos os treinos. No MMA, é correto usar uma equipe multidisciplinar, quando tem um coordenador-geral para os outros técnicos”, afirmou Smith.

VEJA TAMBÉM NO D24am