comments powered by Disqus
Esportes / Lutas

UFC confirma confronto de Demian Maia com Jorge Masvidal

Brasileiro, mais uma vez, é preterido em luta pelo cinturão dos meio-médios

quarta-feira 1 de março de 2017 - 12:10 PM

Estadão Conteúdo / portal@d24am.com

Demian Maia é o 3º no ranking dos médios do UFC. Foto: Divulgação

São Paulo - Ainda não será desta vez que Demian Maia terá chance de disputar o cinturão dos meio-médios do UFC. Nesta terça-feira, o Ultimate confirmou que o brasileiro enfrentará Jorge Masvidal pelo UFC 211, no dia 13 de maio, no Texas.

Vindo de seis vitórias consecutivas, Maia já falou várias vezes que seu objetivo é o cinturão da categoria. "Agora, com seis vitórias em seguida, e agora contra um ex-campeão, que nocauteou todos que o enfrentaram, eu acho que mereço a disputa pelo cinturão. Eu estava na sua luta contra Robbie Lawler e vi como ele lutou. Tenho o máximo de respeito por Carlos Condit, ele é um guerreiro. Agora vou esperar pelo vencedor da luta entre Tyron Woodley e Stephen Thompson. Eu luto pela comunidade do jiu-jítsu, que é maior do que qualquer país", disse o lutador no ano passado, após vitória sobre o ex-campeão Carlos Condit em apenas 1m52s.

Na semana passada, Demiam postou uma frase enigmática em suas redes sociais que dava a entender que ele não estava próximo de uma luta pelo título. "Às vezes quanto mais você persegue o seu sonho, mais ele fica distante de você. Só resta continuar caminhando, e não desistir jamais".

Até mesmo Tyron Woodley, atual campeão da categoria, disse que Demian Maia deveria ser seu adversário. "Ele não deveria ter tido que aceitar a luta (contra o Masvidal). Demian deveria estar me enfrentando nesse fim de semana. Eu não decido isso, mas ele deveria ter sido o próximo da fila...o esporte é assim. Não achei que era necessário ter uma revanche imediata contra o Wonderboy. Eu poderia ter enfrentado o Demian Maia, o Wonderboy poderia ter enfrentado o Jorge Masvidal e o vencedor poderia me enfrentar na sequência. Não decido as lutas, apenas assino os contratos e derroto meus adversários", disse ao Combate.com.

Woodley enfrentou Stephen Thompson neste sábado após o primeiro confronto dos dois, em novembro passado, ter terminado em empate majoritário. 

VEJA TAMBÉM NO D24am