comments powered by Disqus
Notícias / Amazonas

Professores denunciam desvio de merenda escolar em escola do Estado

A denúncia foi assinada por 420 pessoas, entre pais de alunos, estudantes e funcionários da escola, e entregue ao MPE.

segunda-feira 18 de julho de 2011 - 7:07 PM

Denúncia é de irregularidades na merenda servida aos alunos da Escola Estadual Sebastião Augusto Loureiro Filho. Foto: Wenderson Costa

Manaus - Dois professores solicitaram ao Ministério Público do Estado (MP-AM) que investigue o desvio da merenda oferecida aos estudantes da Escola Estadual Sebastião Augusto Loureiro Filho, localizada na Avenida Principal, no Santa Etelvina, zona norte de Manaus.

A denúncia foi assinada por 420 pessoas, entre pais de alunos, estudantes e funcionários da escola.
Segundo o professor Kennedy Barbosa Maquiné, a diretora da escola, Danielle Araújo, determinava aos merendeiros que retirassem o filé dos frangos da merenda escolar e servissem aos alunos somente a carcaça. No mês passado, os alunos chegaram a fazer uma manifestação contra a diretora e a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) instaurou uma auditoria interna que inocentou a diretora porque não encontrou indícios do desvio. A informação é da assessoria de imprensa da secretaria.

Danielle alegou que as denúncias surgiram depois que ela descobriu irregularidades de professores que faltavam, mas não tinham a ausência computada. “Nenhuma dessas denúncias procede. Estamos incomodando com o processo de moralização da escola que implantamos e as pessoas que estavam acostumadas a não trabalhar direito estão tomando essas atitudes”, disse.

VEJA TAMBÉM NO D24am