comments powered by Disqus
Notícias / Eleições 2014

José Melo tem maioria dos votos em 38 municípios do Amazonas

Melo disputou com o senador Eduardo Braga, na primeira vez da história do AM em que houve disputa em 2º turno das eleições para governo 

segunda-feira 27 de outubro de 2014 - 7:00 AM

Da Redação / portal@d24am.com

Em Manaus, o governador reeleito obteve 59,05% dos votos válidos contra 40,95% dos votos recebidos por Braga. Foto: Eraldo Lopes

Manaus – O governador do Estado, José Melo (PROS), foi reeleito, neste domingo (26), para governador o Amazonas pelos próximos quatro anos. José Melo teve 869,6 mil votos, 55,55%, e venceu o senador Eduardo Braga (PMDB) que teve 695,9 mil votos, 44,45% dos 1,7 milhão de votos válidos, na primeira vez na história do Amazonas em que um governador foi eleito no segundo turno das eleições.

Em Manaus, o governador reeleito obteve 59,05% dos votos válidos contra 40,95% dos votos recebidos por Braga. Dos 869,6 mil votos recebidos José Melo, 545.052 votos foram de eleitores de Manaus e 324,6 mil votos no interior do Estado. Braga recebeu 377.995 votos na capital e 317,9 mil votos nos 61 municípios do interior do Amazonas.

Com uma diferença de 173.699 mil votos em todo Estado, dos 62 municípios do Amazonas, José Melo venceu em 38, incluindo Manaus, e Eduardo Braga em 24.

José Melo recebeu mais votos que Braga em dois dos três maiores colégios, Itacoatiara e Manacapuru. Em Itacoatiara, Melo teve 24,4 mil votos contra 20,3 mil votos de Braga. No município de Manacapuru, Melo obteve 21 mil votos contra 18,7 mil votos de Braga.

Eduardo Braga venceu em Parintins, onde teve 23,9 mil votos contra 17,2 mil votos recebidos por Melo. Mas, além dos dois maiores colégios eleitorais do interior do Amazonas, Melo venceu a disputa em sete dos 12 municípios que compõem a Região Metropolitana de Manaus (RMM).

Melo venceu Braga em Rio Preto da Eva, Novo Airão, Presidente Figueiredo, Careiro da Várzea, Careiro, Iranduba e Itapiranga.

Em Rio Preto da Eva, Melo recebeu 5,7 mil votos contra 3,2 mil votos de Braga. Em Novo Airão, o governador teve 3,3 mil votos contra 2,2 mil de Braga. Nos municípios de Presidente Figueiredo e Careiro da Várzea, Melo teve mais de seis mil votos contra, respectivamente, 5,6 mil votos e 4,5 mil votos recebidos por Braga.

No município de Careiro, Melo obteve 3,8 mil votos contra 2,3 mil votos para Braga. Em Iranduba e Itapiranga, Melo teve, respectivamente, 8,9 mil e 2,4 mil votos contra, respectivamente, 8,2 mil e 2,2 mil votos para o senador que disputava o governo do Estado.

Dos municípios da RMM, Braga venceu Melo em Manaquiri, Autazez e Silves com, respectivamente, 4,8 mil, oito mil e 2,6 mil votos, contra, respectivamente, 2,7 mil, 5,9 mil e 1,7 mil votos para Melo.

A maior diferença de votos entre Melo e Braga no interior do Estado foi  em Barcelos, onde o governador reeleito teve 3,4 mil votos, 70,96% dos votos válidos, contra 1,4 mil votos, 29,04%, para Braga.

As menores votações de Melo foram em Japurá e Santa Isabel do Rio Negro, onde o governador reeleito teve 949 e 989 votos contra, respectivamente, 1,6 mil e 2,6 mil votos para Eduardo Braga.

1º turno

No primeiro turno da disputa eleitoral, em 5 de outubro, Braga recebeu 709.058 votos, 43,16%, contra 707.151 votos, 43,04%, recebidos por Melo.

Dos votos de Braga, 366.977 votos foram de eleitores de Manaus e 342.081 votos no interior do Estado. Melo recebeu 391.168 votos na capital e 315.983 votos nos 61 municípios do interior do Amazonas. Dos 62 municípios do Amazonas, Braga venceu em 37 e Melo em 25, incluindo Manaus.

No primeiro turno da disputa, Braga teve mais votos que Melo em Itacoatiara e Parintins. Em Itacoatiara, Braga teve 22,1 mil votos contra 21,1 mil de Melo e em Parintins foram 25 mil votos para Braga contra 17,5 mil votos recebidos pelo governador do Estado.

Entre os municípios onde Melo recebeu mais votos estão Manacapuru, onde o governador obteve 21,8 mil votos contra 19,8 mil recebidos por Braga.

Nos municípios da RMM, Melo teve mais votos que Braga em Rio Preto da Eva, com 5,1 mil votos contra 3,8 mil votos para Braga, em Novo Airão, com 3,4 mil votos contra 2,3 mil votos para Braga, em Presidente Figueiredo, onde recebeu 6,4 mil votos contra 5,8 mil votos para Braga.

No primeiro turno da disputa Melo também venceu em Careiro da Várzea, onde recebeu 6,4 mil votos contra 3,6 mil votos para Braga, e em Careiro, onde o governador teve oito mil votos contra 5,8 mil para o principal adversário nas urnas.

Braga venceu Melo em Iranduba, onde teve nove mil votos contra oito mil para Melo, em Manaquiri, onde recebeu 5,4 mil votos contra 2,7 mil votos para o governador, em Autazes, onde teve 9,2 mil votos contra 5,8 mil para Melo.

O senador também teve mais votos que o govenador em Silves e Itapiranga, onde recebeu, respectivamente, 3,2 mil e 2,4 mil votos contra 1,5 mil e 2,3 mil votos para Melo.

Também disputaram o primeiro turno os deputados estaduais Marcelo Ramos (PSB) e Chico Preto (PMN), que receberam, respectivamente, 179,7 mil votos e 29,4 mil votos. Juntos, os outros três candidatos, Abel Alves (PSOL), Herbert Amazonas (PSTU) e Luiz Navarro (PCB), receberam 17,5 mil votos.

Texto: Camila Carvalho e Geraldo Farias

VEJA TAMBÉM NO D24am