comments powered by Disqus
Notícias / Saúde

Número de mortes por tuberculose aumentou 16,5% no AM, em 2016

Líder em casos da doença no País, Amazonas apresenta crescimento de 16,5% no número de mortes por tuberculose no ano passado, em comparação a 2015. FVS-AM investiga o motivo

sábado 25 de fevereiro de 2017 - 5:20 PM

Agência Brasil / portal@d24am.com

O Estado lidera os casos da doença no País. Foto: Reprodução/Exame

Manaus - O Amazonas registrou 2.781 casos de tuberculose no ano passado, uma diminuição de 3% em relação a 2015, de acordo com os últimos dados do Sistema de Informação de Mortalidade do Ministério da Saúde. O Estado lidera os casos da doença no País. Apesar da redução, o número de mortes aumentou 16,5% no mesmo período, passando de 127 para 148, a maioria em Manaus.

Segundo a coordenadora estadual do Programa de Controle da Tuberculose da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), os óbitos preocupam e as causas estão sendo investigadas.

“Nós começamos um trabalho na semana passada, nos hospitais, com a vinda da equipe o Ministério da Saúde, tentando identificar as causas, se o óbito seria evitável ou não evitável, e que fatores estão contribuindo pra que as pessoas ainda evoluam para um óbito”, disse.

A coordenadora aponta algumas possíveis causas para o aumento de mortes por tuberculose. “Existem situações em que o médico fez o registro da tuberculose como causa associada ou como causa básica, mas que a pessoa não fez exame e não tinha como confirmar, então vai ficar na dúvida se realmente era tuberculose. Então, há a necessidade de sempre reforçar que mesmo que uma radiografia tenha suspeita de tuberculose é preciso fazer exame de escarro. E há muitos casos em que a pessoa chega muito grave e não dá tempo de fazer exame”.

VEJA TAMBÉM NO D24am