comments powered by Disqus
Plus / Artes & Shows

Em Manaus, fim de semana terá Gramophone em dose dupla 

A banda amazonense será atração de hoje no Bodega da Vila e amanhã no Manaus Plaza Shopping

sábado 11 de março de 2017 - 5:00 PM

Manuella Barros / manuellabarros@gmail.com

Perto de completar um ano de estrada, a Gramophone lista para 2017 projetos como gravação do EP, produção de videoclipe, festa de aniversário e especiais. Foto: Divulgação/  Tarcisio Muratori Junior

Manaus – Um show eclético com versões de músicas que vai de Luiz Gonzaga a Amy Winehouse e com trabalho autoral como ‘Doce Vida’ e ‘Ribamar’ é o que a banda Gramophone vai apresentar neste sábado (11), às 21h, no Bodega da Vila (Rua Vila Amazonas, 10, Nossa Sra. das Graças). O couvert artístico será de R$ 10, por pessoa.

Amanhã (12), o grupo formado por Vívian Gramophone (voz e percussão), Renan Raijin (guitarra e violão), Andrei Pinheiro (trompete, gaita e flugel) Mauro Lima (contrabaixo) e JC Oliveira (cajon e bateria) será atração do Manaus Plaza Shopping (Avenida Djalma Batista, 2100, Chapada). A apresentação está marcada para começar às 19h, na praça de alimentação do centro de compras e o acesso é gratuito.

Perto de completar um ano de estrada, a Gramophone lista para 2017 projetos como gravação do EP, produção de videoclipe, festa de aniversário e especiais.

“Estamos ensaiando um Especial Vanessa da Mata. Algumas pessoas também pediram um Especial Amy Winehouse”, adianta a vocalista, ressaltando que a temporada de shows começou com parcerias com Bodega da Vila, ET Bar e Manaus Plaza Shopping. “Outra meta é ter, pelo menos, o EP pronto no período do aniversário, em julho”.

Vívian conta que, em julho, a banda também vai apresentar um show com setlist de festa junina, com muito baião e quadrilha, a exemplo do projeto Gramopholia, um dos destaques no Carnaval deste ano.

“Nossa escolha é muito relacionada com os nossos gostos musicais, que, na maioria das vezes, se parecem. Assim como toda banda que inicia, montamos nosso repertório nessas referências”, comentou a cantora. “É o principal motivo da nossa comunicação com o público. O nosso repertório, como muitas pessoas já disseram, é difícil alguém ouvir por aí, são músicas que todos gostam. Bem eclético, que muda o astral a cada instante”.

A agenda da Gramophone está disponível na página da banda no Facebook

VEJA TAMBÉM NO D24am